top of page

O QUILOMBO

Atualizado: 11 de jun.

CAFÉ QUILOMBO : Honrando a História Negra Através do Café


Imagine um quilombo vibrante, onde Tereza de Benguela, Dandara dos Palmares, Santa Anastácia e outros ícones da história afro-brasileira se unem. Esse é o nosso Quilombo, um espaço de força, resistência e orgulho que transcende as barreiras físicas.


Somos um quilombo porque somos a união de profissionais com um propósito em comum: reescrever a história do povo negro através do café. Uma bebida que nasceu na África, mas que hoje tem pouca representatividade negra em sua cadeia industrial.


Nossa missão é utilizar a segunda bebida mais consumida do mundo como um poderoso veículo de conhecimento. Através do Café Quilombo, buscamos:

  • Honrar a memória de grandes figuras da resistência negra: Cada xícara de café é um tributo à luta e à bravura de mulheres como Tereza de Benguela e Dandara dos Palmares.

  • Educar e conscientizar a sociedade sobre a história afro-brasileira: Compartilhar histórias e conhecimentos sobre a rica cultura e legado afro-brasileiro através do café.



- Grãos Robusta: Memória, Resistência e Força Cultural -


Do coração da África para a mesa do brasileiro: a jornada do café robusta.

Originário da África, o café robusta, também conhecido como conilon, encontrou no Brasil o seu lar e se tornou parte da identidade e da memória afetiva do nosso povo. Mais do que um simples grão, ele representa a força, a resistência e a ancestralidade negra.


Um café com sabor marcante e personalidade única:

  • Amargor presente: O robusta é conhecido por seu sabor intenso e encorpado, ideal para quem aprecia um café forte e marcante.

  • Aroma alcóolico: Um aroma distinto e característico, que remete à terra e à tradição.

  • Textura amadeirada: Uma sensação suave e cremosa na boca, que complementa o sabor intenso.

  • Coloração escura: A cor preta intensa é a marca registrada do café brasileiro, um símbolo da força e da resistência do nosso povo.


Robusta: Um café que é mais que um café:

  • Resistência natural: O robusta é naturalmente mais resistente a pragas e doenças, o que significa menos uso de agrotóxicos, protegendo o meio ambiente e a saúde das pessoas.

  • Símbolo de resistência: Assim como o quilombo, o robusta representa a capacidade do povo negro de superar desafios e construir uma vida melhor.

  • Homenagem à ancestralidade: Cada xícara de café robusta é um tributo à história e à cultura afro-brasileira.

  • Força cultural: O robusta é parte da identidade brasileira e um elemento importante da nossa cultura cafeeira.


- Meio Ambiente -

No Café Quilombo, a responsabilidade ambiental é parte da nossa essência. Como um quilombo urbano, estamos comprometidos com o desenvolvimento sustentável em todos os aspectos do nosso negócio. Acreditamos que a preservação do meio ambiente é fundamental para garantir um futuro melhor para as próximas gerações.


Por isso, adotamos diversas práticas que minimizam o nosso impacto ambiental:

1. Redução de emissões:

  • Otimização de rotas de entrega: Planejamos rotas eficientes para reduzir o consumo de combustíveis e emissões de CO2.

  • Utilização de transporte alternativo: Para entregas curtas e transporte da equipe, optamos por meios mais sustentáveis como bicicletas e transporte público.

  • Compensação da pegada de carbono: Apoiamos projetos de reflorestamento para compensar as emissões de carbono geradas por nossas atividades.

2. Gestão consciente de resíduos:

  • Reutilização de embalagens: Damos novo uso às caixas de papelão para o envio de produtos, diminuindo o descarte de materiais.

  • Reciclagem e compostagem: Segregamos e destinamos corretamente todos os resíduos gerados, contribuindo para a reciclagem e a compostagem.

  • Redução do consumo de descartáveis: Substituímos descartáveis por materiais reutilizáveis em nosso dia a dia.

3. Promoção da consciência ambiental:

  • Apoio a ONGs: Doamos árvores para ONGs de reflorestamento e colaboramos com projetos de educação ambiental em comunidades carentes.






65 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page